sexta-feira, 18 de junho de 2010

LUA

Como poderia ser se não existisse você?
Como seria se não tivesse como respirar?
Se para tudo no mundo há solução,
Por que para o amor ainda não encontraram a cura?
Se a lua nos dá todas as noites estrelas
Afim de que possamos encontrar nosso caminho,
Por que ela não me mostra a minha?
Lua linda, noite suave,
Traga junto a ti minha estrela
Para que eu possa cuidar dela
E assim encontrar o meu caminho.
Me mostre oque é o sentimento eterno.
"Se ele existe!"
Aprendi em meu caminho
Que nada nos é dado para sempre
Que o "pra sempre" não existe
E oque não existe não pode ser prometido
Por que nunca será dado.
Quero oque é eterno pra mim.
Seja ele oque for.
Se o eterno existe preciso dele para que seja "para sempre"
E que o "para sempre" se torne, enfim eterno.

Nenhum comentário:

Postar um comentário